Início arrow Notícias arrow Noticias arrow António Costa: Empresas não devem ter medo de “partir para o mundo"
António Costa: Empresas não devem ter medo de “partir para o mundo" Imprimir E-mail

Primeiro-ministro visitou fábrica do grupo Simoldes em Lille, que fornece componentes para a indústria automóvel.

in Dinheiro Vivo / Lusa, 10-04-2018

images/stories/pdf2017/20180410225500004rth.jpg

O primeiro-ministro, António Costa, visita a fábrica da Simoldes no final da deslocação a França por ocasião das Comemorações do Centenário da Batalha de La Lys, em Lille, França, 10 de abril de 2018.
MÁRIO CRUZ/LUSA

 

O primeiro-ministro apontou hoje a fábrica do grupo Simoldes em Lille, no norte de França, como um caso exemplar de investimento português no estrangeiro, sublinhando que as empresas não devem ter “medo de partir para o mundo”.

A Simoldes Plásticos de França atingiu em 2017 uma faturação de 46 milhões de euros e emprega 240 pessoas, algumas delas portuguesas, informou o grupo.

Referindo a importância de se atrair investimento para Portugal, António Costa disse que “é também importante que as empresas portuguesas não tenham medo de partir para o mundo”, como esta fábrica que fornece componentes em plástico para a indústria automóvel e que está em França há 20 anos.

No final da visita que esta manhã fez à fábrica, o primeiro-ministro destacou ainda a combinação “perfeita” do grupo que “mantém em Oliveira de Azeméis um dos grandes centros mundiais de produção de moldes de alto valor acrescentado, mas que com a proximidade à indústria [francesa] lhe permite ser mais competitivo na produção dos componentes”.

A empresa de Oliveira de Azeméis foi fundada há 59 anos e atingiu em 2016 um volume de negócios de quase 75 milhões de euros e empregava 770 pessoas em todo o grupo.

Em França, a empresa fornece componentes em plástico para a indústria automóvel.

Com a visita a esta fábrica, o primeiro-ministro concluiu uma deslocação de três dias a França, onde esteve no âmbito das celebrações dos 100 anos da participação de Portugal na Primeira Guerra Mundial e da Batalha de La Lays.