Início arrow Notícias arrow Noticias arrow Governo aprova incentivos fiscais para investimento de 48,1 ME da Bosch de Braga
Governo aprova incentivos fiscais para investimento de 48,1 ME da Bosch de Braga Imprimir E-mail

O Governo aprovou a concessão de incentivos financeiros ao investimento de 48,1 milhões de euros da Bosch Car Multimedia de Braga

in Dinheiro Vivo / Lusa, 09-10-2017

 images/stories/pdf2017/20171009001.jpg

 

O Governo aprovou a concessão de incentivos financeiros ao investimento de 48,1 milhões de euros da Bosch Car Multimedia de Braga, para aumentar a capacidade da sua fábrica e produzir novos produtos de multimédia automóvel, revela um despacho publicado esta segunda-feira.

“Dado o seu impacto macroeconómico, considera-se que o projeto reúne as condições necessárias à concessão de incentivos financeiros previstos para os grandes projetos de investimento”, lê-se no despacho assinado a 22 de setembro pelo ministro da Economia, Caldeira Cabral, e pelo secretário de Estado da Internacionalização, Brilhante Dias, hoje publicado em Diário da República.

Segundo o diploma, o Governo aprova a minuta do contrato de investimento, a celebrar entre a Bosch Car Multimedia Portugal e a Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal (AICEP), que visa o aumento da capacidade da unidade fabril em Braga, para a produção e introdução no mercado de “produtos inovadores no domínio da multimédia automóvel”, nomeadamente sistemas de navegação e painéis de instrumentos digitais com recurso a tecnologias de última geração no processo de produção.

“As soluções inovadoras a aplicar no âmbito do Projeto resultam de atividades de I&D realizadas intramuros ou em parceria com a Universidade do Minho e compreendem uma unidade central de gestão de infotainment com caraterísticas claramente distintivas face à oferta preexistente no mercado internacional, bem como um sistema patenteado de direct bonding para painéis de instrumentos digitais com funções de assistência à condução que permitem alcançar melhorias significativas da mobilidade e da segurança rodoviária e representam uma inovação para o mercado internacional”, afirma o Governo no documento.

O projeto de investimento deverá, segundo a mesma fonte, resultar num aumento do volume de produção, no desenvolvimento de um novo processo produtivo, com impactos nessa região que o Governo considera positivos, destacando o aumento da riqueza gerada localmente, a criação indireta de postos de trabalho e o efeito de arrastamento, a montante e a jusante da cadeia de valor, sobre outras empresas nacionais, nomeadamente sobre os fornecedores de componentes plásticos, metálicos e eletrónicos.

“O Projeto da Bosch Car Multimedia Portugal contribui de forma relevante para a internacionalização e produção transacionável da economia portuguesa, prevendo-se um crescimento do volume de exportações, entre 2014 e 2019, de 424 para 686 milhões de euros”, afirmam os governantes naquele despacho.

O montante de investimento em causa ascende a 48,1 milhões de euros, segundo o despacho, prevendo-se com este projeto conseguir acumular desde 1 de janeiro de 2015 e até 2025 um volume de negócios de 7,3 mil milhões de euros e um valor acrescentado bruto (VAB) de 1,1 mil milhões de euros.

O Governo, no despacho, estima ainda que este investimento permita criar, até ao final de 2019, 464 novos postos de trabalho diretos e permanentes, dos quais 69 altamente qualificados.